• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Festival Alive vai acontecer em 2019 entre 11 e 13 de julho

06/07/2018 13:57

A uma semana de arrancar o festival Alive, no Passeio Marítimo de Algés, em Oeiras, está já confirmada a próxima edição, de 11 a 13 de julho de 2019, disse à Lusa o promotor, Álvaro Covões.

A 12.ª edição do festival, que já está esgotada, começa na próxima quinta-feira e são esperados cerca de 55 mil espectadores, dos quais 16 mil serão estrangeiros, em cada um dos três dias.

Arctic Monkeys, Queens of the Stone Age e Pearl Jam são os cabeças de cartaz de um programa que contará com mais de uma centena de artistas e obrigará, mais uma vez, os espectadores a fazerem um calendário do que querem e conseguem ver.

Este ano, em termos logísticos, as principais novidades são o alargamento do relvado artificial a mais espaço do recinto e, no exterior, haverá aumento da oferta de opções de saída, com 30 autocarros da Carris, para facilitar o fluxo de movimento de espectadores entre Algés e três pontos na cidade: Marquês de Pombal, Cais do Sodré e Parque das Nações.

Todos os anos tentamos dar mais conforto e melhorar a experiência de quem nos visita, explicou o promotor no recinto.

Uma semana antes de se abrirem as portas, os protagonistas no Passeio Marítimo de Algés são os técnicos que montam todas as estruturas, como o coreto que acolherá sobretudo música portuguesa, a zona comercial, com um palco que recria as típicas casas de fado, e as quatro zonas de restauração.

Está ainda por desvendar uma peça de arte urbana, encomendada pela organização, e que será colocada no recinto.

Em consonância com o que tem acontecido em anos anteriores, segundo Álvaro Covões haverá cerca de 16 mil estrangeiros no festival, sobretudo britânicos, espanhóis e franceses, mas a grande fatia de bilhetes foi comprada pelos portugueses, com muita antecedência.

Álvaro Covões fala de um cartaz absolutamente fantástico, mas refere sobretudo o grupo norte-americano Pearl Jam, que fará a terceira atuação no Nos Alive e foi responsável por se terem esgotado em dezembro os bilhetes para dia 14 de julho.

Além da banda de Eddie Vedder, que está atualmente em digressão pela Europa mesmo sem ter um álbum novo (o último, Lightning Bolt, é de 2013), será possível ver concertos de nomes como Nine Inch Nails, Queens of The Stone Age, At The Drive In, Japandroids, Eels, Khalid, Wolf Alice, Jack White, Franz Ferdinand, The National e Bryan Ferry.

A música portuguesa passará pelos caminhos de Orelha Negra, Thr Gift, Miguel Araújo, Jorge Palma, António Zambujo, Branko, Teresinha Landeiro, Surma, Primeira Dama ou Paus.