• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Presidente do Braga estranha reprimenda ao VAR do jogo com o Rio Ave

11/10/2018 00:02

O presidente do Sporting de Braga, António Salvador, disse esperar que o videoárbitro do jogo com o Rio Ave Bruno Paixão não tenha sido repreendido pelo facto de os bracarenses liderarem a Liga de futebol.

Espero que não seja uma coincidência. Houve outros penáltis por marcar em outros jogos, como no jogo com o Aves. Houve golos marcados ao longo das jornadas, como o do Guimarães em Portimão, que foi ilegal. Houve lances para expulsão, como os do Cervi, Ruben Dias ou Filipe. E não houve reprimendas”, disse Salvador, em Coimbra, à entrada para a cimeira de presidentes.

A comunicação social desportiva noticiou que Bruno Paixão, VAR no encontro entre o Braga e o Rio Ave (1-1), tinha sido repreendido por não ter assinalado uma eventual grande penalidade a penalizar os bracarenses perto do final do jogo.

O presidente do Sporting de Braga, que disse que estará “atento” a futuras reprimendas em situações semelhantes, esclareceu ainda que o clube vai recorrer dos dois jogos de suspensão aplicados a Wilson Eduardo.

Sobre a convocatória de Fernando Santos para os dois próximos jogos da seleção, António Salvador garantiu respeitar as escolhas do selecionador, mas sublinhou que Ricardo Horta merecia ser chamado.