• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Rendimento Básico Incondicional: um desafio dos estados sociais modernos em debate até sábado na UMinho

25/01/2019 00:02

O Rendimento Básico Incondicional é cada vez mais um tema relevante no debate em torno de alguns dos principais desafios dos estados sociais modernos.

Na Europa, a discussão é acalentada pelo trabalho e ideias de investigadores, políticos e sociedade civil, que em conjunto reflectem as oportunidades e desafios de uma medida como o Rendimento Básico.

O ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José Vieira da Silva, defendeu ontem, na Escola de Direito da Universidade do Minho, a aplicação de um rendimento básico, mas alertou para o risco da medida criar uma perigosa divisão entre os que tem acesso aos benefícios da civilização através do rendimento do trabalho e outros que teriam uma espécie de prestação social para poderem ser consumidores

O ministro Vieira da Silva falava numa conferência mundial sobre o ‘Rendimento Básico: uma Ferramenta para uma Europa Social’ que junta até sábado, na UMinho, representantes da Comissão Europeia, eurodeputados e especialistas de vários países.

Vieira da Silva considera que, caso venha a ser aplicado, aquele tipo de rendimento teria de ser no âmbito da zona euro ou da União Europeia, reconhecendo que a falta de consenso e de recursos financeiros constituem os principais entraves à implementação do RBI.

mapa do site

2010 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: New-Consulting